Home Facebook Relato de Parto O Blog Na Mídia Loja Selinhos

sábado, 30 de abril de 2011

Mamãe, fraturei o crânio!

Sim, é isso mesmo que você está lendo… o pequeno Reizinho aprontou a primeira estripulia grave e fraturou o crânio. Dia 26/04, terça-feira, Arthur estava dormindo no sofá na casa da pessoa que cuidava dele. Ele tem um padrão de sono e nunca foi deixado sozinho, quero que isso fique muito claro, isso aconteceu por acaso, foi um acidente. Ele caiu do sofá. Até então não sabíamos o que ele tinha batido, ele chorou na hora e depois voltou a brincar. 2hs depois do ocorrido, ele estava extremamente normal, brincando e rindo! Ele não dormiu neste período, não apresentou vômito, sonolência, nem desmaiou.

Ficamos batendo papo com a Mitia via Skype, brincamos e tudo mais, ele estava ótimo. Dormiu e acordou chorando muito. Como ele tinha jantado às 17hs e eram 20hs, Rick achou que era fome mas na hora percebi que era um choro de dor, quando vi um galo imenso na cabeça e corri para o hospital. A pediatra disse que não seria nada mas pediu uma tomo. Foi então que, após as 22hs descobrimos que ele havia fraturado o crãnio! Dia 27/04 era aniversário do meu marido e passamos no hospital.

Ele não teve nenhuma sequela ou hematoma interno mas precisou de UTI para ser acompanhado. Não tinha vaga em nenhum hospital em SP, conseguimos um tal de Cruz Azul que de UTI não tinha nada, hospitalzinho açougueiro viu! Eu que trocava fraldas, cuidava dele e os médicos que passavam riam que ele estava bem mas ninguém me dava um diagnóstico. Bom, quando chegamos de ambulância neste hospital às 5 da manhã (pasmem que pagando R$ 300,00 de convenio por mês – Porto Seguro hein – ficamos todo esse tempo esperando vaga, ambulância e tudo mais!). Tiram o menino dormindo do meu colo e levam pra dentro dizendo que eu não poderia ficar com ele, nossa, caí em prantos, me desesperei… mas me deixaram entrar pois como ele é pequeno a mãe pode ficar. Entrei achando que ele estaria chorando mas estava que era só sorrisos.

Hahahaha, é uma figuraça né? As enfermeiras ficaram apaixonadas por ele, ganhou bolacha de maizena escondido e os neuros que iam avaliá-lo riam e perguntavam o que é que ele estava fazendo na UTI. Pelo exame dá muito medo, ele estava super bem, sorrindo, ficava de pé, brincando, só fazia escândalo se eu saía de perto mas em relação ao quadro clínico ele estava ótimo. Isso foi tão pesado pra mim que eu desabei emocionalemte, estou um caco porque o local é deprimente, a energia é pesada e não tinha nenhum tipo de cuidado com nada. Os médicos e enfermeiros mal entravam no quarto.

Pra vocês terem uma idéia, demoravam para trazer leite e comida pra ele, ás vezes mandavam leite depois de 1h do almoço, ás vezes gelado, às vezes azedo! Affe, morri de medo dele ficar doentinho e não é que saímos os dois com um imenso resfriado?

Bom, olhem só a fratura do crânio que impressionante. marquei em azul a fratura, os outros riscos são da própria caixa craniana mas é impressionante o tamanho da fratura dele, a sorte é que não afetou nenhum artéria principal, nada que passe pelas têmporas pois seria fatal. Graças a Deus ele está normal! Depois de 3 dias na UTI fomos liberados e ontem, sexta-feira, viemos para casa. 


Agora estamos tomando todo cuidado do mundo porque todo cuidado é pouco. gente, por favor, levem a sério a fragilidade que são seus bebês, meu filho não teve nenhum sintoma que deveria ter ao bater a cabeça, no entanto, teve uma fratura grande e séria. A gente tem a mania de achar que só acontece com os outros e o fato é que pode acontecer com qualquer um! Jamais deixe seu filho sozinho, por nenhum segundo! Em nenhum lugar! 

Levem a sério meninas, o problema não é o tamanho do tombo ou do trauma, a questão é onde batem, pode ser uma batida de leve e seu filho pode fraturar alguma parte importante da cabeça, a sorte é que a caixa craniana dos bebês é mais molinha mas para ter quebrado desse jeito era para ter sido bem pior, hoje só poss agradecer a Deus por ter me dado uma nova chance de ter meu filho comigo e para eu ter aprendido que ele é a coisa mais frágil e mais importante na minha vida! Filho, te amo!

Agora restou um galo imenso e a esperança de que tudo isso irá passar e que meu pequeno Reizinho apimentado volte ao normal! Segunda vamos no pediatra dele que é chefe da pediatria do Einstein, vou pedir encaminhamento pro neuropediatra pois quero acompanhar. Vou tirar uns dias de férias pois não tenho nenhuma estrutura emocional para voltar ao trabalho.



Foi um grande susto, não desejo isso pra ninguém, ficar numa UTI é simplesmente a experiência mais horrorosa que eu já passei e ver meu pequeno Reizinho indefeso chorar de dor quando colocavam o acesso nas veias, medicavam e tudo mais me machucou por dentro. Mãe nenhuma deveria passar por isso!









Obrigada pelo carinho no Twitter, email, telefone e tudo mais, desculpem-me se não respondi a todas as mensagens mas recebi todas e me senti confortada! Obrigada de coração e mamães, fiquem atentas e tomem muito cuidado, na dúvida liguem para o SAMU no 192 que poderá te dar toda orientação por telefone em qualquer lugar do Brasil. 


Aos poucos venho trazendo mais notícias desse meu pequeno arteiro!

Comentários
2 Comentários

2 Comentários:

Ana Carolina Amado disse...

Nossa vc tinha me falado do acidente, mas lendo seu relato fiquei apavorada. Hospital e criança realmente não combinam.
Beijos pra vc e pro Tutu!
Ana Carolina

Um espaço pra chamar de meu disse...

Amiga,eu vi no dia que aconteceu,vc postou foto no TT,mas ainda não sabia da fratura,que susto...incrível como ele ñ teve nenhum dos sinais,e é este o perigo né?Sei o que é tombo de criança,pois Daniel caiu com 1ano e 7m comigo e minha mãe perto,bateu de boca,quebrou um dente que só nasceu ano passado #aos8,sofri de me acabar,com a culpa q vc sabe né?E tbém por ele tão novinho ter que passar pela coisa tensa que é o dentista,graças a Deus ele não ficou com trauma do profissional...
Agora dá raiva pagar um absurdo de plano e ter atendimento de postinho mal guarnecido de prefeitura,ainda bem que ficaram bem...
Grande bj!!!Desculpe a demora,rsrsrsr

Postar um comentário

Olá, deixe sempre seu e-mail para que eu possa te responder!